12
dez

O barato pode sair caro? Não ria de mim por favor!

O barato pode sair caro?

Olá concurseiros, Felipe aqui!

Acho que todo mundo em algum momento já se perguntou… Porque o “mesmo serviço” em um lugar custa x e o outro custa duas vezes x?

Poxa! A proposta é a mesma, o serviço basicamente é o mesmo, e porque os preços não são iguais?

E porque ainda tem gente que prefere adquirir o mais caro ao invés de adquirir o mais barato?

Se você acha estranho, ou até, um absurdo… o fato de um cabeleireiro cobrar R$ 100,00 por um corte e o outro cobrar R$ 10,00, talvez você esteja enxergando a situação por um único ponto de vista… O preço!

O preço, claro,  é um fator importante quando o assunto é comprar algo… seja o que for…

Mas será que só se basear nele para tomar decisões de compra é a melhor forma de obter o resultado pretendido?

Acho que você já deve ter ouvido a expressão ” As vezes o barato pode sair caro“.

Quero dividir uma história que aconteceu comigo quando era mais jovem para ilustrar perfeitamente essa expressão.

 

As vezes o barato sai bem caro!

As vezes o barato sai bem caro!

Quando tinha 18 anos meu sonho era fazer do nosso mundo um lugar melhor para todos ( esse sonho não morreu em mim, só mudei um pouco minha estratégia para conseguir atingir o resultado… mas isso fica para um outro post).

Na época formei com mais 3 amigos uma banda de Rock hardcore para expressar toda minha revolta com a desigualdade que existia ( e existe ainda infelizmente) no país e no mundo todo.

Além de expressar minha revolta através da música eu também gostava de fazer isso através do meu visual… e me meti em várias enrascadas por conta disso… vou dividir uma com vocês.

Em um certo dia, acordei com a “brilhante” ideia de pintar o meu cabelo… não de ruivo, nem de castanho, queria algo mais impactante… Verde!

Nunca tinha pintado meu cabelo antes, então corri para o melhor salão das redondezas para realizar a tão sonhada mudança.

Ao chegar lá fui bem atendido, recebi uma orientação sobre todos os procedimentos necessários para deixar meu cabelo na cor que eu queria, também fui orientado sobre a melhor tonalidade a ser utilizada… dentre outros detalhes.

Estava super empolgado e certo do que queria… mas no fim de tudo veio a decepção para mim…

O PREÇO!

Na época eu era atendente de telemarketing, e todo mundo sabe que o salário não é lá essas coisas todas…

Eu até tinha o dinheiro necessário para concluir a mudança, mas como “bom” brasileiro, fui atrás de um jeitinho…

Desisti daquele salão ” absurdamente caro” e fui em busca de uma solução muito mais “barata” para conseguir atingir meu objetivo.

 

Um desastre anunciado…

Um desastre anunciado

Depois de muita pesquisa encontrei um profissional em início de carreira amigo de um amigo meu que topou a empreitada de deixar o meu cabelo do jeito que eu sonhei 🙂

Ele não era tão cuidadoso no atendimento.

Nem tinha resultados comprovados para me mostrar… muito menos tinha experiencia ou um método para atingir o sucesso daquela ação…

Mas algo fez brilhar meus olhos e decidir contratar o serviço

O PREÇO!

Depois que ele me disse o valor, a primeira sensação que tive foi:

“Nossa! Olha como sou esperto! Vou pagar bem menos do que iria pagar naquele salão caro e vou conseguir atingir meu objetivo do mesmo jeito”

Fechei o contrato na hora, fui no centro da cidade comprar a tinta barata que ele sugeriu ( bem… quem tá começando não tem tinta verde no estoque né? Rs).

Voltei para ele no fim do dia e “mãos a obra“!

 

Como aprender uma lição do pior jeito possível.

Como aprender uma lição do pior jeito possível.

Tudo parecia bem no início…

Tive que descolorir o cabelo algumas vezes ( como queima!).

Enchi minha cabeça de papel alumínio (estava parecendo um pernil…).

Depois coloquei a tinta… ( queimou mais ainda, minha cabeça já estava ficando dormente).

Lembro até hoje que no decorrer de todo processo uma sensação de ter algo errado nunca me abandonou…

Mas “bola para frente”. A final estava pagando bem mais barato!

Depois que tudo acabou, a sensação de algo errado foi embora… ela virou uma certeza!

Ficou horrível! O “profissional” até tentou me animar dizendo que o resultado real não seria percebido imediatamente.

Mas a verdade é que meu cabelo estava da cor e na textura de um musgo… mais parecia uma alga do mar do que um cabelo…

E o pior ainda estava por vir

Durante dias minha cabeça ardia sem parar e meu cabelo não parava de cair… Nunca vou esquecer do sofrimento e da zoação que passei naqueles dias penosos.

Por fim, raspei minha cabeça e graças a deus não aconteceu nada mais grave com meu couro cabeludo ( Ufa… não fiquei careca para sempre).

Resultado final:

Gastei dinheiro com o procedimento mais barato do “profissional”

Gastei dinheiro com a tinta que ele me mandou comprar

Gastei tempo no centro da cidade procurando a tinta… E tempo é dinheiro, certo?

Gastei tempo e dinheiro indo ao médico para ver se não tinha acontecido algo grave com minha cabeça.

Gastei dinheiro com um cabeleireiro para raspar a cabeça.

E o pior de tudo isso… fiquei super frustrado, pois não consegui o que quis e ainda perdi meu cabelo.

Mas aprendi uma lição que nunca esqueço e hoje ensino para todos que posso:

Nunca tome uma decisão de compra apenas pelo preço“.

Não que hoje em dia eu não tenha o preço como fator para minha tomada de decisão… como disse lá no início ele é importante.

Mas tomar uma decisão apenas enxergando o PREÇO, isso nunca mais vou fazer na vida…

E se eu fosse você não esperaria dar tudo errado para também pensar dessa forma.

 

Serviços diferentes, situações semelhantes.

Serviços diferentes, situações semelhantes.

Ok Felipe, a sua história serve para ilustrar que o barato pode sair caro… mas o que isso tem a ver com concurso público?

Estou na VP Concursos há 4 anos e, não raro, ouço os concurseiros falarem que o valor do investimento para ter um consultor/coach da VP Concursos é alto.

Realmente, não é barato contratar um consultor/coach da VP Concursos, mas acho que você irá concordar comigo quando digo que coisas boas, legítimas e com resultados comprovados, nunca são baratas… ao contrário, como você sabe, geralmente são bastante caras.

Então… deixe-me perguntar uma coisa: você quer correr o risco de investir em algo apenas pelo preço, só para aprender no final que essa não é a melhor decisão?

Meu cabelo voltou a crescer e em alguns meses eu pude pintar ele ( dessa vez em um salão de qualidade…), no final deu tudo certo.

Mas imagina se ele só fosse crescer novamente depois de 12 anos? Eu iria passar 12 anos sem cabelo!

Usei esse período ( 12 anos ) como exemplo… Um cabelo não passa este tempo todo para crescer… mas esse foi o tempo de intervalo entre o último concurso da CLDF e o que vai acontecer em breve.

O último concurso da ABIN foi em 2010, o do senado em 2012…

Enfim, o que quero dizer é que quando se trata de concurso público uma escolha errada pode resultar em vários anos perdidos.

E se você contratar um coach qualquer só porque é mais barato, tenderá a ter a mesma experiência que tive, e no dia da prova, terá que lidar com o peso e a frustração dessa decisão.

Terá perdido muito tempo, dinheiro e, talvez, a sua confiança que é possível ser aprovado…

Não seria melhor ter investido em um pouco mais para aumentar suas chances de sucesso?

Afinal, você quer pagar mais barato ou ser aprovado mais rápido?

 

Uma observação importante!

Uma observação importante!

Entendi Felipe… mas na VP Concursos, também tem esse negócio de honorários de sucesso…

É… nestes 4 anos, também já ouvi muito sobre a taxa de sucesso que faz parte do modelo de pagamento da VP Concursos.

Inclusive vi até alguns concurseiros que desistiram de contratar a consultoria exatamente por conta dessa taxa. Acredita?

Para refletirmos melhor sobre ela, quero dividir um exemplo bem simples com você:

Tite recebe R$ 600.000 da CBF para ser o coach da seleção brasileira de futebol, e, se o time vencer a Copa da Rússia, ele receberá R$ 5 milhões de honorários de sucesso ( pode pesquisar no Google).

Se você tivesse o poder de decisão na CBF, arriscaria tirar o Tite do comando da seleção para contratar um técnico mais barato, que não cobrasse honorários de sucesso?

Tenho certeza que não!

Fazendo uma analogia para quem não curte futebol… seria o mesmo que tirar o Bernardinho da seleção de vôlei antes das olimpíadas de 2016.

E por que você arriscaria fazer isso com a sua aprovação contratando um consultor/coach mais barato?

Se você for aprovado para CLDF, por exemplo, irá receber cerca de 200.000 por ano. E, se você tiver 30 anos agora, fazendo uma conta rápida, receberá, até se aposentar 6 milhões de reais!

Por que está se preocupando com os honorários de sucesso agora, sabendo que só serão cobrados se, e somente se, você for aprovado e tomar posse?

 

Informação é tudo!

Informação é tudo!

Talvez você não saiba ainda, mas os consultores/coaches da VP Concursos passam por um rigoroso processo seletivo, composto por uma bateria de testes, inclusive realizados por psicólogo.

Além disso, após ter sido aprovado na seleção, o consultor/coach faz uma espécie de curso de formação e, quando recebe os primeiros alunos, é monitorado de perto pela coordenação pedagógica por 60 dias.

Somos tão rigorosos que reprovamos 70% dos candidatos no último processo seletivo.

Estamos lidando com os seus sonhos, poxa! E isso aumenta nossa responsabilidade exponencialmente.

Por isso, precisamos ter certeza que o consultor, além de já ter sido aprovado em concursos públicos, esteja preparado para ser uma mão amiga que guiará você até a aprovação no concurso público dos seus sonhos.

Quando eu entrei para a família VP Concursos, confesso que também achava alto o valor do investimento.

Mas, depois que você vê as coisas que eu vi, não dá mais para “desver”.

São inúmeros alunos aprovados… muitos deles nas primeiras colocações… até para Juiz!

Já até perdi a conta de quantos alunos me agradeceram por telefone, e-mail e até foram lá na sede da empresa para agradecer pelos resultados alcançados. Muitos concurseiros nem acreditavam que era possível conquistar a aprovação

Já estavam estudando há alguns anos sem obter resultado…

Tinham tentado de tudo…

Investido muito tempo e dinheiro e nada…

E hoje são servidores públicos! Isso é muito gratificante!

 

As vezes a questão não é só ter vontade… Mas tenho uma boa notícia!

As vezes a questão não é só ter vontade... Mas tenho uma boa notícia!

Eu entendo que, as vezes, mesmo você não utilizando apenas o fator preço para tomar sua decisão na hora de escolher um consultor/coach, esse fator preço, pode sim limitar a sua contratação.

Praticamente todos os dias recebo mensagens de pessoas que, pesquisaram no mercado, buscaram informações através de notícias, amigos, parentes, internet, nos acompanham no Blog, redes sociais…

Querem contratar o serviço de consultor/coach da VP Concursos porém no momento não dispõe da quantia necessária para iniciar a consultoria.

E depois que saiu a notícia que o edital da ABIN pode sair a qualquer momento, os pedidos para construir algo especificamente para esse concurso multiplicaram exponencialmente.

E foi por isso que construímos um projeto específico para quem quer ser aprovado no concurso da ABIN, com condições incríveis.

Para saber mais basta clicar no link abaixo.

Treinamento Intensivo Concurso da  ABIN

E se o concurso da ABIN não é o seu foco, mas você quer saber mais sobre como funciona o nosso serviço de consultoria e coaching, entre em contato comigo e com minha equipe por e-mail: contato@vpconcursos.com.br ou pelo Whatsapp! 61 99650 7391 que será um prazer te atender.

“A oportunidade nunca é perdida. Alguém sempre irá aproveitar as que você perdeu.” (William Shakespeare)

Grande abraço!!

FELIPE LIMA

Coordenador Pedagógico da VP Concursos 🙂

Especialista em concursos públicos e no sucesso dos alunos.

Gerente de Performance e Desenvolvimento, graduado em Gestão de Pessoas, com mais de 10 anos de experiencia na área.

Vai se preparar para o concurso da Câmara? Montamos um post com dicas matadoras para o concurso da Câmara dos Deputados, saiba mais!

Se você está preocupado com a suspensão do concurso da CLDF, deveria estar feliz. Clique aqui e entenda!

Gostou do post de hoje?

Compartilhe com os seus amigos!

Compartilhar é ajudar.

Mostre para uma pessoa querida que você se importa com ela.

 

Compartilhe nas redes sociais: